Briófitas

Saiba o que são briófitas, espécies, musgos, características, reprodução das briófitas

Musgo: uma das espécies de briófitas mais conhecidas
Musgo: uma das espécies de briófitas mais conhecidas

 

 

Introdução 

 

Termo genérico que se aplica a um grupo formado por mais de 20.000 espécies de plantas pequenas que crescem habitualmente sobre o solo, troncos de árvores e rochas de ambientes úmidos.

 

Características das briófitas

 

As briófitas são plantas não vasculares (sem vasos condutores) que incluem musgos, hepáticas e antoceros. Em seu nível de organização, as briófitas se situam entre as algas verdes (das quais há grande probabilidade de sua descendência) e entre as plantas vasculares inferiores mais simples, como os licopódios. A diferença das plantas superiores, o gametófito (a forma sexual), é a geração dominante. Já o esporófito (forma assexuada) se desenvolve sobre o gametófito e permanece quase que completamente dependente deste. Nas briófitas não há tecidos verdadeiros de condução, como existe nas samambaias e plantas superiores.

 

Algumas espécies de briófitas são aquáticas e outras são capazes de sobreviver em regiões ardias e secas. Embora seu tamanho varie de microscópico a 30 cm, a briófita média mede aproximadamente entre 1,2 e 5 cm, variando sua coloração, que pode ser verde, negra e até quase incolor.

 

As hepáticas são as briófitas mais primitivas e possuem uma forma plana, algumas vezes, sua espessura é de apenas uma célula. 

 

Musgos 

 

Os musgos possuem uma forma central que lembra um caule, do qual se desprendem pequenas folhas e que se prolonga em algumas estruturas denominadas rizomas. No entanto, apesar de possuírem estas estruturas, as briófitas absorvem a água diretamente da base sobre a qual crescem, ou, do próprio ar.

 

Reprodução das briófitas

 

Todas as espécies de briófitas se caracterizam por apresentar uma alternância de gerações. Os embriões da forma sexual madura ou de forma assexuada pequena permanecem dependentes e unidos a ela. A forma assexuada produz esporas, similares as das plantas inferiores, que são disseminadas através do vento e por outros meios que propiciam novas formas sexuais. Os órgãos sexuais das briófitas são multicelulares.

 

Classificação 

 

Quanto a sua classificação científica, as briófitas se dividem em três grupos: Hepatopsida ou Marchantiopsida (hepáticas), Bryopsida (musgos) e Anthocerotopsida (antocerotas).


Impressão Google+
Briófitas Temas Relacionados
Bibliografia Indicada:

 

 

- Atividades biológicas das briófitas

  Autor: Serrano, Ana Maria Villa

  Editora: Âmbito Cultural

  Temas: Botânica, Plantas

 

- Glossário de Briófitas

  Autor: Ponzo, Luizi

  Editora: UFJF

  Temas: Botânica, Plantas

 

 

Veja Também
GALERIA DE IMAGENS
LIVROS DE CIÊNCIAS BIOLÓGICASIndicação de livros de Ciências Biológicas, bibliografia indicada para o estudo de temas de Biologiaver
PESQUISADORESSaiba mais sobre a biografia dos grandes pesquisadores que revolucionaram o mundo da ciência. As grandes...ver
SAÚDEInformações sobre temas relacionados à saúde humana. Alimentação, doenças, dicas para levar uma vida saudável,...ver
Dicionário de BiologiaSaiba o significado de várias palavras relacionadas ao estudo de Biologia, definições importantesver