Lamarckismo

O que é, teoria, postulados, uso e desuso, resumo, Biologia, darwinismo, exemplo do pescoço da girafa

Lamarck: teoria para explicar a evolução das espécies
Lamarck: teoria para explicar a evolução das espécies

 

O que é

 

Lamarckismo é uma teoria desenvolvida pelo biólogo francês Jean-Baptiste Lamarck no começo do século XIX. Esta teoria tem como objetivo principal explicar a evolução das espécies. Lamarck publicou sua teoria no ano de 1809, no livro “Filosofia Zoológica”, sendo que ela foi de grande importância para as Ciências Biológicas, pois serviu de base para o trabalho de Charles Darwin.

 

Os dois postulados do Lamarckismo:

 

Através destes dois postulados, Lamarck pretendia explicar a evolução de todas as espécies, desde o princípio da vida no planeta Terra.

 

Lei do uso e desuso

 

- De acordo com Lamarck, um órgão do corpo humano se desenvolve cada vez mais na medida em que é mais usado. Por outro lado, por atrofiar e até desaparecer caso seja pouco utilizado.

 

Lei da transmissão hereditária dos caracteres adquiridos

 

- Esta lei complementa a primeira. De acordo com Lamarck, as características adquiridas por uma espécie, em função do uso e desuso dos órgãos, são transmitidas de geração para geração, ou seja, hereditariamente. As mudanças no meio ambiente são indutoras das transformações nos órgãos dos animais.

 

Clássico exemplo do pescoço das girafas

 

O exemplo do pescoço da girafa é um dos mais ilustrativos da teoria de Lamarck. Antigamente, as girafas tinham o pescoço curto. Com a escassez de alimentação em determinados períodos, foi necessária uma mudança de comportamento por parte destes animais para garantir a sobrevivência. Para poder alcançar o topo das árvores e comer as folhas, as girafas esticaram o pescoço. A cada geração de girafas, elas nasciam com o pescoço um pouco maior.

 

Lamarckismo e Darwinismo

 

Lamarck acertou ao afirmar que órgãos podem se desenvolver com o uso e atrofiar com o desuso. Porém, a teoria de que estas características são transmitidas hereditariamente mostrou-se incorreta pela Ciência, principalmente pela Teoria da Evolução das Espécies do naturalista inglês Charles Darwin.

 

Darwin conseguiu demostrar, através da teoria da  seleção natural, que os indivíduos mais fortes e adaptados de uma espécie tendem a alcançar mais facilmente a fase adulta e gerar novos indivíduos com estas características favoráveis ao desenvolvimento. Os mais fracos ou com características pouco favoráveis para o desenvolvimento, tendem, com o passar do tempo, a desaparecer. Desta forma, sobrevivem os mais aptos da espécie, transmitindo seus caracteres através da hereditariedade.

 


Impressão Google+
Lamarckismo Temas Relacionados
Bibliografia Indicada:

 

- Origem das Espécies

  Autor: Darwin, Charles

  Editora: Itatiaia

  Temas: Biologia, Ciências Biológicas

 

Veja Também
GALERIA DE IMAGENS
LIVROS DE CIÊNCIAS BIOLÓGICASIndicação de livros de Ciências Biológicas, bibliografia indicada para o estudo de temas de Biologiaver
PESQUISADORESSaiba mais sobre a biografia dos grandes pesquisadores que revolucionaram o mundo da ciência. As grandes...ver
SAÚDEInformações sobre temas relacionados à saúde humana. Alimentação, doenças, dicas para levar uma vida saudável,...ver
Dicionário de BiologiaSaiba o significado de várias palavras relacionadas ao estudo de Biologia, definições importantesver